Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens!

Por | Administrativo, Gestão, Secretariado

De forma resumida, podemos dizer que a administração estratégica é o uso planejado dos recursos de um negócio para atingir as metas e os objetivos da empresa. Dessa forma, ela requer a avaliação contínua dos processos e dos procedimentos dentro de uma organização e de fatores externos que podem impactar o funcionamento da empresa. Além disso, o processo de gestão estratégica deve orientar os programas e decisões de alto nível. Por fim, vale lembrar que empresas de todos os tamanhos e em todos os setores podem se beneficiar da prática da gestão estratégica.

Veja também quais são as 7 ferramentas da qualidade!

Portanto, neste artigo, vamos explicar os benefícios da administração estratégica e também como ela funciona. Além disso, vamos discutir os seus tipos e estágios da gestão estratégica.

O que é a Administração Estratégica?

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! - Foto: BS MAS
Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: BS MAS

É a administração da empresa que está sempre verificando a sua razão de existir no mercado, como vai operar e até aonde quer chegar em prazos já estipulados. Assim, o tema administração estratégica deve ser conhecido por todas as pessoas que estão à frente da administração de uma empresa.

Por fim, vale lembrar que é um grande desafio conduzir uma empresa em ambientes dinâmicos, que se modificam de forma constante nos aspectos políticos, econômicos, setoriais e tecnológicos. Tais mudanças impactam na relação da empresa com o setor em que atua. Assim, os “adms” se desafiam a conduzir as empresas de forma estratégica, garantindo suas sobrevivências e buscando o sucesso em seus resultados.

Qual a sua importância?

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! - Foto: CU MAS
Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: CU MAS

A administração estratégica é bem essencial para uma atuação eficaz. Uma vez que se sabe o cenário em que a empresa “X” está inserida, sabendo os fatores que geram oportunidade para o seu sucesso, bem como aquilo que gera ameaça à sobrevivência no ambiente externo, além de reconhecer as suas fortalezas, competências e também as fraquezas internas, os “adms” podem definir qual é a razão de existir da empresa e aonde se quer chegar com os recursos investidos.

Ou seja, é definida qual é a “missão” do negócio. Além disso, também se estabelece como a empresa vai ser vista ao longo de um determinado tempo, definindo a sua “visão de futuro”, considerando os valores que caracterizam os negócios, o que se acreditam ser bem relevante para a sustentabilidade do empreendimento.

Por fim, vale lembrar que a administração estratégica permite o caminhar da empresa em um ambiente de mudanças, por meio de decisões e ações administrativas que vão orientando os passos rumo aos resultados almejados, com sentido, com determinação e com aprendizado.

Quais os benefícios da administração estratégica?

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! - Foto: FIA MAS
Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: FIA MAS

Alcançar as metas organizacionais exige muito planejamento e paciência. Assim, a administração estratégica pode ajudar as empresas a alcançar os seus objetivos. Além disso, ela também garante que as etapas necessárias para atingir um objetivo de negócios sejam implementadas em toda a empresa.

Portanto, a administração estratégica oferece muitos benefícios para as empresas que a utilizam, incluindo:

  • Vantagem competitiva: ela dá às empresas uma vantagem sobre os seus concorrentes pois a sua natureza proativa significa que a sua empresa estará sempre atenta às mudanças do mercado;
  • Atingindo as metas: ela ajuda a manter as metas alcançáveis, usando um processo claro e bem dinâmico para a formulação de etapas e implementação;
  • Crescimento sustentável: ela leva a um desempenho organizacional bem mais eficiente, o que leva a um crescimento mais gerenciável;
  • Organização coesa: ela requer comunicação e implementação de metas em toda a empresa. Assim, uma organização que está trabalhando em uníssono em direção a uma meta tem bem mais probabilidade de alcançá-la.
  • Maior consciência gerencial: ela significa olhar para o futuro da sua empresa. Dessa forma, se os gerentes fizerem isso de forma bem consistente, eles estarão bem mais cientes das tendências e dos desafios do setor. Por fim, ao implementar o planejamento e pensamento estratégico, eles estarão mais bem preparados para enfrentar os desafios futuros.

Como ela funciona?

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! - Foto: FL MAS
Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: FL MAS

A administração estratégica requer o estabelecimento de objetivos para a empresa, a análise das ações dos concorrentes, a revisão da estrutura interna da organização, a avaliação das estratégias atuais e até a confirmação de que as estratégias são implementadas em toda a empresa.

Além disso, a ela pode ser prescritiva ou descritiva. Quando ela é prescritiva significa desenvolver estratégias antes de uma questão organizacional. Por outro lado, a descritiva significa colocar as estratégias em prática quando necessário. Assim, ambos os métodos de administração estratégica empregam teoria e práticas de gestão.

Enquanto a alta administração é responsável pela implementação de estratégias, ideias, objetivos ou desafios organizacionais podem vir de qualquer membro da empresa. Por fim, vale lembrar que muitas empresas empregam estrategistas cujo trabalho é pensar e planejar de forma estratégica para melhorar o funcionamento da empresa.

Tipos de administração estratégica

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! - Foto: FIA MAS
Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: FIA MAS

A administração estratégica como um conceito pode ser abordada de várias maneiras. Portanto, abaixo estão alguns tipos populares de administração estratégica:

Análise SWOT

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: BS MAS

SWOT significa pontos fortes, pontos fracos, oportunidades e ameaças. Assim, esta análise permite que você investigue os fatores internos e externos. Os fatores internos incluem fatores positivos (pontos fortes) ou negativos (pontos fracos) que existem dentro de sua organização e podem ser alterados ou afetados de alguma forma, enquanto os fatores externos incluem os fatores positivos (oportunidades) ou negativos (ameaças) que existem fora do assunto que você está avaliando e não pode ser alterado ou afetado por você ou por sua organização de nenhuma forma.

Balanced Scorecard

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: LCM MAS

Um “balanced scorecard” ajuda a descobrir quais as facetas de seu negócio que precisam de melhorias, dividindo o processo de avaliação de desempenho em 4 áreas conhecidas como pernas. Essas pernas são:

  • Aprendizagem e crescimento;
  • Processos de negócios;
  • Perspectivas do cliente;
  • Dados financeiros.

O método do “balanced scorecard” pode gerar mecanismos de relatórios oportunos que mostram todas as estatísticas relacionadas ao crescimento da empresa.

Cinco etapas da administração estratégica

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: FIA MAS

Embora existam diferentes abordagens e estruturas para a administração estratégica, elas costumam ter as mesmas 5 etapas no processo:

  1. Identificação;
  2. Análise;
  3. Formação;
  4. Execução;
  5. Avaliação;

1. Identificação

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: KA MAS

O primeiro passo na administração estratégica é avaliar os rumos atuais da empresa. Isso costuma incluir a compreensão do objetivo, missão e direção estratégica geral da empresa. Por fim, vale lembrar que avaliar onde está o processo atual da empresa o ajudará a atingir seu objetivo.

2. Análise

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! - Foto: LI MAS
Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: LI MAS

Depois de entender o processo atual, você deve analisar os detalhes. O que está funcionando? O que não está funcionando? Que opinião das partes interessadas organizacionais você pode reunir? Este é o momento de responder a quaisquer perguntas que ajudem a solidificar os elementos necessários do plano estratégico. Uma análise SWOT, ou até uma identificação de pontos fortes, pontos fracos, oportunidades e ameaças, é uma ferramenta útil.

3. Formação

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! - Foto: FIA MAS
Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: FIA MAS

Assim que tiver as informações de que precisa, é hora de criar um plano de ação para atingir a meta. Assim, certifique-se de que as etapas sejam claras, focadas e diretamente relacionadas ao objetivo. Prepare as diretrizes de implementação fáceis de entender se o processo ou procedimento impactar muitas pessoas dentro da organização.

4. Execução

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: FIA MAS

Siga as etapas descritas em seu plano estratégico. Além disso, certifique-se de que todas as partes interessadas estão implementando o plano conforme projetado para a máxima eficiência.

5. Avaliação

Administração estratégica: veja o que é e quais as suas vantagens! – Foto: QA MAS

Avalie o produto final. Você alcançou seu objetivo? O processo foi implementado de forma adequada em toda a empresa? Com base em suas respostas a essas perguntas, você pode refletir e revisar conforme necessário.

FAQ

O que é a Administração Estratégica?

É a administração da empresa que está sempre verificando a sua razão de existir no mercado, como vai operar e até aonde quer chegar em prazos já estipulados. Assim, o tema administração estratégica deve ser conhecido por todas as pessoas que estão à frente da administração de uma empresa.

Por fim, vale lembrar que é um grande desafio conduzir uma empresa em ambientes dinâmicos, que se modificam de forma constante nos aspectos políticos, econômicos, setoriais e tecnológicos. Tais mudanças impactam na relação da empresa com o setor em que atua. Assim, os “adms” se desafiam a conduzir as empresas de forma estratégica, garantindo suas sobrevivências e buscando o sucesso em seus resultados.

Qual é a importância da Administração Estratégica?

A administração estratégica é bem essencial para uma atuação eficaz. Uma vez que se sabe o cenário em que a empresa “X” está inserida, sabendo os fatores que geram oportunidade para o seu sucesso, bem como aquilo que gera ameaça à sobrevivência no ambiente externo, além de reconhecer as suas fortalezas, competências e também as fraquezas internas, os “adms” podem definir qual é a razão de existir da empresa e aonde se quer chegar com os recursos investidos.

Ou seja, é definida qual é a “missão” do negócio. Além disso, também se estabelece como a empresa vai ser vista ao longo de um determinado tempo, definindo a sua “visão de futuro”, considerando os valores que caracterizam os negócios, o que se acreditam ser bem relevante para a sustentabilidade do empreendimento.

Por fim, vale lembrar que a administração estratégica permite o caminhar da empresa em um ambiente de mudanças, por meio de decisões e ações administrativas que vão orientando os passos rumo aos resultados almejados, com sentido, com determinação e com aprendizado.

Gostou? O que achou? Deixe seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *