O que é briefing? Veja tudo sobre!

Por | Geral

Sempre que vamos começar um projeto novo, é necessário termos um briefing. Inclusive, o briefing é considerado o primeiro passo para que um projeto “saia do papel”. No entanto, o que seria esse “briefing”? Para que ele serve? O que deve ter em um? A resposta dessas e outras perguntas estão nesse artigo. Confira:

Veja também: O que é inteligência emocional?

O que é Briefing?

O que é briefing? Veja tudo sobre! - Foto: RC
O que é briefing? Veja tudo sobre! – Foto: RC

O termo “Briefing” não tem uma tradução específica para a nossa língua. Até por esse motivo ela aparece na forma original no nosso dia a dia. Mas podemos dizer que o verbo inglês “Brief” significa “Resumir”.

Portanto, o briefing se refere a um resumo, um conjunto de ações e estratégias que são “passadas” para um grupo de pessoas para que um certo problema possa ser resolvido. Dessa forma, o briefing é um elemento fundamental do planejamento.

Vamos exemplifica essa situação: você é o dono de uma grande empresa e, recentemente, alguns clientes começaram a reclamar de um defeito específico em um produto. Desse modo, é feita uma reunião de briefing que mostrará a situação atual e possíveis estratégias para contornar os problemas.

Além disso, o briefing também pode ser uma série de instruções que o cliente passa para que você possa desenvolver o que ele deseja. Inclusive, é isso o que ocorre no marketing digital.

Para o que ele serve?

O que é briefing? Veja tudo sobre! - Foto: IM
O que é briefing? Veja tudo sobre! – Foto: IM

Obter um menor tempo de produção

Não há dúvidas de que a produtividade é uma questão importante para quem desenvolve o projeto. No entanto, ela também tem muita importância para o cliente, afinal, ele espera o cumprimento de prazos. Dessa forma, o briefing tem um papel bem fundamental nisso. O motivo é que ele agiliza o processo de execução, pois entrega um diagnóstico do que se pretende.

Portanto, o menor tempo de produção traz maior satisfação para o solicitante. Além disso, também contribui para a organização da agência ou do profissional que trabalha no projeto. Um bom briefing agiliza tudo e também traz mais credibilidade para o trabalho.

Para ter resultados alinhados

Um dos problemas mais complicados que os profissionais de comunicação podem ter é a falta de alinhamento com o que o cliente deseja. Portanto, para resolver esse “problema” é necessário saber o que o solicitante espera. É justamente para isso que existe o briefing.

Inclusive, é por esse motivo que ao fazermos um briefing, temos que fazer os questionamentos mais objetivos possíveis. Dessa forma, você praticamente elimina possíveis interpretações erradas. Um resultado correto e alinhado só acontece quando todas as ideias do cliente foram devidamente interpretadas.

Sem retrabalhos

Não há dúvida de que o retrabalho é um freio no progresso das demandas. Além disso, também é um impeditivo na rotina das empresas de comunicação. É claro que alguns trabalhos terão que sofrer alterações, já que cada cliente tem um nível de exigência e nem sempre eles tem uma ideia 100% concreta do que realmente querem.

No entanto, é inegável que o briefing pode ajudar a reduzir essa margem de insatisfação. Inclusive, lembre-se de que os pequenos ajustes são muito diferentes de retrabalhos. Enquanto o primeiro não necessita de um briefing completo, o desenvolvimento de um briefing amplo e aprofundado é fundamental para o segundo. O principal motivo é que não haja a necessidade de alterações maiores no futuro.

Por que o briefing é importante?

O que é briefing? Veja tudo sobre! - Foto: HS
O que é briefing? Veja tudo sobre! – Foto: HS

Ter um briefing tem a mesma importância de conhecer técnicas de vendas ou descobrir como atender os seus clientes nas redes sociais. Dessa forma, ele traz uma série de vantagens para a sua empresa. Portanto, confira abaixo cada uma delas!

Organização

Como já foi dito, o briefing tem como objetivo agrupar as informações mais relevantes sobre a empresa cliente (ou só cliente). Dessa forma, sempre que for necessário, você verá todo o conteúdo em suas mãos e separados em “blocos”.

Além disso, vale lembrar que para o briefing se tornar um grande aliado em sua estratégia, apresente as informações de um modo bem claro. Caso contrário, quem tiver acesso aos documentos dele entrará em um labirinto e não entenderá quais os pontos que merecem mais atenção.

Inspiração

Não há dúvidas de que s informações transmitidas pelo cliente são as melhores fontes para que você busque inspiração a fim de executar o seu trabalho e criar os melhores conteúdos. Além disso, vale observar que sempre que uma equipe não conhece a história do cliente e o que ele pretende com a sua empresa, geralmente, a produção fica um pouco estagnada.

Portanto, produzir somente para apresentar um trabalho é um erro que jamais devemos cometer. Por esse motivo, não tente desenvolver um conteúdo buscando a aprovação do cliente “na sorte”.

Grandes trabalhos

Como já dito acima, quando uma equipe de marketing conhece a história de uma empresa por meio de um briefing, ele consegue atender as expectativas do cliente com uma precisão maior. Portanto, isso aumenta a produtividade da equipe e também a satisfação do consumidor. Por isso, mesmo que a rotina em sua empresa seja agitada, procure reservar um tempo para executar esse trabalho. Afinal, o custo-benefício vale muito a pena.

Planejamento

O briefing está diretamente ligado ao planejamento. Dessa forma, um briefing não ajuda somente a entender o trabalho de um cliente, mas também oferece condições para uma agência seguir um planejamento.

Além disso, com um processo bem definido, a chance de o projeto sair do foco ou ter ruídos de comunicação que prejudiquem o trabalho diminui muito. Isso é muito importante, pois mostra para o cliente que a sua empresa se organiza bem e sabe o que está fazendo.

No entanto, para conquistar esses benefícios, você não pode desenvolver um briefing de qualquer maneira. Dessa forma, você deve se atentar a alguns detalhes que são determinantes para o sucesso. Portanto, continue a nossa leitura para descobrir quais são eles.

Quais informações devem compor um briefing?

O que é briefing? Veja tudo sobre! – Foto: CDM

Sabendo do que se trata o briefing e conhecendo a sua importância ao iniciar um projeto ou executar uma demanda, pode ser que surjam algumas dúvidas quando você começar a criar o seu primeiro briefing.

Dessa forma, confira abaixo algumas informações e etapas que são essenciais para elaborar um material completo e que auxilie a todos no momento da execução das atividades.

Objetivo do projeto

Essa é uma das fases mais importantes do processo de criação do briefing. Dessa forma, você precisa entender o objetivo do seu cliente. Qualquer que seja o objetivo, ele precisa ser feito pontualmente (no sentido de definição), para que assim o cliente saia satisfeito da reunião que vocês tiverem.

Público-alvo

Pode ser difícil de acreditar nessa informação, mas muitas empresas não conhecem o seu público-alvo. Dessa forma, é fundamental que o seu cliente saiba definir se o público dele faz parte das classes A, B, C ou D, a sua faixa etária, se são mais homens ou mulheres os principais compradores da marca, entre diversas outras informações, que facilitem ainda mais o processo de aproximação do que o cliente deseja e do que a sua equipe está apta a entregar.

Concorrência

Um outro ponto interessante é “mostrar” os concorrentes do seu cliente para que ele cresça cada vez mais. Até por esse motivo, criar uma lista dos principais concorrentes da empresa no mercado é bem relevante para que se tenha uma ideia do que deve ser feito.

Além disso, analise os concorrentes dele para entender como o mercado do seu cliente se comporta. Dessa forma, você verá o que pode e o que não pode ser feito. Assim, o seu cliente se destacará e obterá ainda mais resultados.

Orçamento

Pode até ser um pouco desconfortável, mas não deixe de perguntar qual o orçamento disponível para executar o projeto. É difícil encontrar pessoas que falam abertamente sobre gastos e dinheiro, mas esse fato será importante para entender o que deve ser executado. Por isso, a minha dica é que você faça essa pergunta e vocês discutam sobre essa questão.

Sabendo do real montante que o seu cliente poderá investir no projeto, fica muito mais fácil determinar o serviço, de acordo com o capital que ele pode oferecer à sua empresa. Nesse processo é importante compreender que o ideal é ajustar o projeto ao valor investido sem que a qualidade seja comprometida.

Prazos

Independente do projeto, sempre estabeleça prazos para cada etapa, até que ele seja completamente entregue. Isso é essencial para que o cliente compreenda o seu tempo de produção e para que vocês alinhem da melhor maneira possível o prazo de entrega, sem afetar a produção e também sem prejudicar aquele que está investindo para que a demanda ganhe vida.

Além disso, lembre-se de nunca esquecer de não prometer nada que você e sua equipe não conseguem cumprir. Dessa forma, a transparência é essencial para que se tenha bons resultados.

Objeções

Pode parecer que é, mas dizer apenas o que se quer em um projeto não o ideal, pois é de extrema importância que você e sua equipe tenham ciência do que o seu cliente não gosta e não quer que seja feito ao longo de todo este processo.

Saber o que pode e o que não pode ser feito no projeto em questão é a chave para que se tenha resultados extraordinários.

Perguntas Frequentes

O que é briefing?

O termo “Briefing” não tem uma tradução específica para a nossa língua. Até por esse motivo ela aparece na forma original no nosso dia a dia. Mas podemos dizer que o verbo inglês “Brief” significa “Resumir”.

Portanto, o briefing se refere a um resumo, um conjunto de ações e estratégias que são “passadas” para um grupo de pessoas para que um certo problema possa ser resolvido. Dessa forma, o briefing é um elemento fundamental do planejamento.

Para que o briefing serve?

Há vários motivos, mas aqui estão alguns dos mais importantes:

  • Obter um menor tempo de produção;
  • Para ter resultados alinhados;
  • Não ter retrabalhos.

Gostou? O que achou? Deixe seu comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *