Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar!

Por | Administrativo, Geral, Secretariado

Desenvolver um diferencial competitivo deve ser a busca de todo o empresário. Assim, independente do segmento do seu negócio, é preciso ter em mente a importância desse processo. Essas são características únicas que destacam a sua empresa. Sem elas você será apenas mais um estabelecimento entre tantos.

Veja também quais são os principais tipos de feedback!

Ter um diferencial competitivo coloca um negócio em posição de destaque. Ele insere na mente do consumidor a lembrança sobre os seus produtos e serviços. Essa característica faz com que sua empresa seja preferida pelos consumidores. Logo, fazendo mais vendas que a concorrência.

Neste artigo, mostraremos tudo o que você precisa saber sobre diferencial competitivo. Além disso, também separamos algumas ações estratégicas que podem fazer você se destacar. Confira:

O que é diferencial competitivo?

Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! - Foto: BG MAS
Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! – Foto: BG MAS

O diferencial competitivo são as características que fazem os seus clientes comprarem de você, mesmo quando a concorrência oferece um produto com um menor preço. Isso faz com que a sua empresa seja única aos olhos dos seus clientes.

No entanto, esse destaque que você alcança só é válido quando seu cliente percebe este valor. Para isso, é bem importante que você crie algum tipo de planejamento para transmitir seus diferenciais para seus atuais e futuros clientes.

Qual a importância do diferencial competitivo?

Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! - Foto: BB MAS
Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! – Foto: BB MAS

De forma simplificada, o diferencial competitivo é exatamente aquilo que faz com que a gente tenha preferência por um produto em especial. É um exemplo simples, mas que ajuda a traduzir a importância do diferencial competitivo.

Os diferenciais competitivos são essenciais porque impactam positivamente todos os públicos de um negócio – clientes, fornecedores, parceiros estratégicos, colaboradores e etc…

Entre outras vantagens, o diferencial competitivo pode ajudar as empresas a:

  • Aumentar a receita;
  • Dar mais previsibilidade ao fluxo de caixa;
  • Atrair mais consumidores e, consequentemente, impulsionar as vendas e a frequência de compra;
  • Fidelizar clientes;
  • Atrair parcerias com outras empresas e até investidores;
  • Reter os colaboradores e chamar atenção de novos talentos no mercado;
  • Produzir bens ou serviços com custos menores, aumentando a margem de lucro.

Quando tem bons diferenciais competitivos, uma empresa consegue gerar valor para as pessoas e aumentar a dificuldade dos concorrentes em imitar ou oferecer algo semelhante.

Por que as empresas devem procurar se diferenciar?

Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! - Foto: CBB MAS
Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! – Foto: CBB MAS

Empresas que se diferenciam aumentam o seu “marketshare” e ganham prestígio no mercado.

Se todas fizessem tudo da mesma forma, entregassem um produto com a mesma qualidade, no mesmo tempo, com o mesmo preço e tivessem o mesmo prestígio dos consumidores, não haveria motivos para o cliente escolher um produto ao invés de outro.

Por outro lado, nessa situação, as empresas poderiam cativar o cliente e se sobressair nas vendas se oferecessem um bom atendimento e tivessem vários pontos de venda.

Quais são as características das empresas que têm um diferencial competitivo?

Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! - Foto: BC MAS
Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! – Foto: BC MAS

Agora, mostraremos as características mais comuns das empresas com diferencial competitivo. Confira:

1. Ser original

Um dos atributos a serem observados é a originalidade. Uma empresa com diferenciais competitivos desenvolve características únicas. Não somente nas soluções oferecidas aos clientes, mas também em outras áreas, por exemplo:

  • Atendimento diferenciado;
  • Estrutura física agradável e única;
  • Pós-venda exclusivo e personalizado.

A empresa que tem um diferencial competitivo não segue a concorrência. Ela desenvolve suas próprias soluções e métodos de vendas. Ele não copia as estratégias de outras empresas, mas sim, desenvolve seus próprios métodos.

2. Investir em sustentabilidade

Outro ponto importante é o investimento em sustentabilidade. Atualmente, essa é uma característica muito visada pelo mercado. Empresas que têm esse cuidado são vistas com mais credibilidade pelos seus consumidores, fornecedores e etc.

Investir em materiais renováveis, reduzir o consumo de papel, reciclar matérias prima e destinar os resíduos de forma correta são exemplos de ações sustentáveis que você pode adotar no negócio e ainda gerar diferencial competitivo.

3. Usar tecnologia

Por fim, empresas com diferencial competitivo usam a tecnologia a seu favor. Pode ser através das redes sociais, como ferramentas que servem para alcançar mais pessoas com estratégias de marketing digital. Além disso, também fornecem estratégias para melhorar o atendimento e vendas.

Outro exemplo do uso de tecnologia é a adoção de meios de pagamento eletrônicos, como o Pix, ampliando as opções do cliente fechar negócio com a empresa.

As ações estratégicas para conquistar o diferencial competitivo

Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! – Foto: MR MAS

O diferencial competitivo vai além de despertar o interesse e a atenção do público. É necessário fazer com que a empresa ganhe mais visibilidade e se torne mais relevante no mercado, mais especificamente no segmento em que ela atua.

Confira, a seguir, algumas dicas especiais que devem ser implementadas na sua empresa para alcançar o tão sonhado diferencial competitivo.

Analise a concorrência

É fundamental entender o comportamento das empresas concorrentes — a forma como elas elaboram as ações de marketing, a maneira como atendem os clientes, a linguagem utilizada, os produtos e serviços disponibilizados, o preço desses produtos e serviços, as reclamações de clientes insatisfeitos, o conteúdo publicado em sites, blogs e mídias sociais, a missão e valores da empresa concorrente e outros.

A partir das informações obtidas, será possível elaborar um relatório amplo e mais definido sobre o perfil da concorrência. Desse modo, você poderá conhecer as tendências do mercado, comparar o seu desempenho com as empresas adversárias, saber o que elas estão utilizando e você não, e identificar se está ficando para trás. Essa estratégia traz uma visão muito abrangente sobre as empresas concorrentes e o que deve ser feito na sua empresa para aumentar os resultados.

Conheça seu cliente

Uma empresa só pode ter um diferencial competitivo se ela conhecer o perfil de seus consumidores. Isso vai ajudá-lo a avaliar as suas necessidades e relacioná-las com os produtos ou serviços que o seu negócio oferece.

Por exemplo: uma pessoa que ama tecnologia vai querer ter os últimos lançamentos, sejam eles PCs, televisores ou celulares. Assim, esse conhecimento permite um direcionamento correto de ofertas e produtos.

Uma empresa pode ter mais de um perfil de consumidor. A melhor maneira de fazer essa análise é por meio de pesquisas e cadastros dos atuais clientes. Algumas ferramentas, como o ERP, auxiliam o acompanhamento da jornada de compra do consumidor e o cadastro de seus dados.

Tenha uma equipe qualificada

A ampla oferta de empresas que vendem o mesmo produto exige que a companhia invista no pessoal. Assim, quando os colaboradores são apaixonados pelo que fazem e vestem a camisa do negócio, eles conseguem levar esse diferencial para o trabalho.

Na hora de elaborar um produto, por exemplo, os profissionais devem fazer pesquisas, estudos e análises de mercado para criar uma solução inovadora. Mas, se eles não tiverem esse interesse em fazer a diferença, provavelmente farão apenas o básico.

Uma estratégia que ajuda a criar um time vencedor é a promoção de uma cultura de resultados e bonificações quando a empresa supera as suas metas.

Tenha um bom controle de custos

É importante ter um bom controle de custos. Fazer isso afetará diretamente a saúde financeira do negócio, apoiando decisões de investimentos e ajuda a definição dos preços de vendas de seus produtos. Dessa forma, você melhora a gestão da empresa e abre a oportunidade de oferecer promoções e condições diferenciadas aos seus consumidores.

Facilidade de compra

Poder realizar suas compras com eficiência é um grande diferencial para os consumidores. Afinal, ninguém quer atravessar a cidade para adquirir um produto.

Por isso, as empresas devem buscar ampliar a rede de distribuição ou buscar formas de vender online e entregar os produtos com agilidade.

Ofereça promoções

Organizar promoções é uma maneira de atrair o público. Afinal, quem não gosta de comprar um produto com preço abaixo da média? A criação de liquidações e promoções traz impactos positivos para o negócio, proporciona maior visibilidade para a empresa e gera mais confiança nos consumidores.

Mas, para isso, é necessário criar estratégias bem definidas. Da mesma forma, é importante analisar alguns aspectos, como o período sazonal, o fluxo e o perfil dos clientes, o tipo de serviço ou produto que terá promoção, quanto tempo durará, as regras que passarão a valer e muito mais.

Após ter a resposta para esses questionamentos, você deve partir para o planejamento das promoções e a divulgação nos canais adequados, com o intuito de ganhar maior visibilidade e atrair um número maior de interessados. Logo, as chances de alcançar o público-alvo aumentam significativamente e contribuem para a obtenção de resultados mais satisfatórios.

Aposte em softwares de qualidade

A tecnologia é uma das maiores aliadas na construção do diferencial competitivo. Assim, ela deve ser útil para potencializar os negócios, seja na gestão da empresa com softwares que ajudam a controlar as finanças e o estoque, na gestão do relacionamento com o cliente ou na divulgação do seu estabelecimento.

Os softwares podem ser utilizados com muita eficiência no atendimento aos seus consumidores. A boa notícia é que existem formas simples e gratuitas para fazer isso. Um exemplo clássico é a versão empresarial de um famoso app de mensagens instantâneas.

Estamos falando do WhatsApp Business. Um app simples, intuitivo e muito profissional. Com ele é possível criar um contato mais próximo de seus clientes, facilitando o processo de vendas e a comunicação no pós-venda.

Invista em um bom atendimento

O atendimento aos clientes é considerado o cartão de visitas da sua empresa. Afinal, é o meio de os clientes entrarem em contato direto com o seu negócio e conhecerem mais sobre a missão e os valores.

Além disso, um suporte de qualidade faz toda a diferença para proporcionar a satisfação do consumidor. Crie um canal on-line de suporte. Assim, o atendimento deve ter como foco a resolução dos conflitos e a solução das dúvidas, adotar uma linguagem clara e objetiva e ser disponibilizado pelo máximo de tempo possível.

Utilize dados para previsão de demanda

A companhia precisa conhecer o mercado em que atua e a frequência de consumo para identificar a sua previsão de demanda. 

Por exemplo: sua empresa distribui produtos eletrônicos, mas não controla as vendas. Os equipamentos são adquiridos de diferentes locais e demoram 30 dias para chegar ao estoque. Se o gestor não conhece a previsão de demanda, poderão faltar mercadorias no estoque. Isso resultará na demora na hora de entregar o item ao cliente, que ficará insatisfeito.

Mas se a empresa acompanha os índices de vendas, ela poderá gerenciar melhor o estoque e ter agilidade na entrega.

Foque no relacionamento com o cliente

O relacionamento de qualidade com o cliente proporciona a satisfação e a fidelização do público, aumentando significativamente as chances de ele voltar a fazer negócios com a empresa. Uma estratégia para estreitar o vínculo com o consumidor é continuar ao seu lado mesmo depois da conclusão da compra, durante o período de pós-venda. Você pode usar a estratégia de NPS ( Net Promoter Score )  para avaliar o nível de lealdade do seu público, bem como criar programas de fidelização.

Implementar ações específicas para obter um diferencial competitivo é uma excelente estratégia para proporcionar a valorização da sua startup, atrair o público-alvo, fidelizar os clientes e fechar novas parcerias vantajosas com os fornecedores. É essencial ter um mindset focado na inovação e  transformação digital. No entanto, essa estratégia requer estudos e a elaboração de um planejamento claro e condizente com a realidade do negócio. Capriche, pois o seu esforço valerá a pena!

Invista em inovação

A inovação é um dos pontos-chaves para que sua empresa alcance um diferencial competitivo. Muitas vezes ligamos inovação à tecnologia e, embora seja verdade que a tecnologia atualmente é imprescindível para todo tipo de negócio, vale destacar que nem sempre inovar significa mais tecnologia.

Você pode inovar na forma de entrega dos seus produtos, no ambiente do seu negócio, na comunicação com seus clientes, enfim, existem diversas formas – e ainda pode se relacionar com outras empresas do nicho em um modelo de ecossistema de inovação.

Para que sua empresa adquira a cultura da inovação, é necessário treinar as pessoas e fazer com que novas ideias sejam aceitas mais facilmente dentro da companhia.

Quais são os erros na busca por um diferencial?

Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! – Foto: EP MAS

É comum que quando as empresas tentam se diferenciar, alguns erros sejam cometidos no caminho. Para que isso não aconteça com o seu negócio, listamos abaixo os erros mais comuns na busca por um diferencial competitivo.

1. Não imponha sua marca

Este é um dos erros mais cometidos pelas empresas, independente do segmento em que atuam. Elas acabam se posicionando como a melhor ou que vai acabar com todos os problemas do seu consumidor. Porém, você precisa ser realista.

Forneça as informações corretas e ajude seu cliente a tomar a melhor decisão, mesmo que acabe não sendo o seu produto. Dessa forma, ao invés de apenas fazer propaganda da empresa, você mostra para o futuro cliente que realmente está interessado no que ele precisa.

2. Não diminua seu preço

Preço não é um diferencial competitivo, portanto, não adianta entrar na briga pelo preço mais baixo com a sua concorrência. Ele não tem as qualidades para se enquadrar como diferencial, pois não é único, pode ser imitado e não é sustentável.

Os clientes que compram produtos pelo preço também não se fidelizam a marcas, e continuam a consumir aquela que oferecer o melhor valor. Para as empresas, isso não gera um diferencial competitivo, apesar de ser útil no curto prazo.

3. Não pense apenas em clientes novos

Sabemos que conquistar novos clientes é fundamental para que a sua empresa cresça. No entanto, é fundamental que você também não descuide dos clientes que você já conquistou.

Busque fidelizar os seus clientes, crie atrativos para que continuem comprando de você para que você mantenha a sua receita.

Exemplos de diferencial competitivo

Diferencial competitivo: veja o que é e como se destacar! – Foto: GP MAS

Ao longo deste artigo apresentamos alguns exemplos de empresas que se consolidaram graças a seus diferenciais competitivos. Que tal conhecer um pouco mais sobre elas?

Apple

Sem dúvida um dos exemplos mais marcantes de empresas que desenvolveram um poderoso diferencial competitivo, é a Apple. 

A empresa conseguiu aliar uma excelente experiência do cliente, personalidade de marca e pioneirismo tecnológico.

Cirque du Soleil

Você deve conhecer o Cirque du Soleil e mesmo que nunca tenha ido a um show deles, sabe que estamos falando de uma empresa que criou um espetáculo completamente diferente de qualquer circo que você tenha visitado. 

O diferencial é tão evidente que é como se a marca tivesse criado um outro tipo de produto de entretenimento.

Starbucks

A Starbucks pegou um produto mundial, o café, e transformou a experiência de consumo, contribuindo inclusive para a valorização desse produto tão comum e que você encontra em toda esquina. 

É claro que o café e os demais produtos vendidos na loja são de excelente qualidade, mas fato é que o atendimento, a infraestrutura, as sensações que se sente ao tomar um café em uma das Starbucks é que representam o diferencial competitivo da empresa. 

Perceba que é a forma como ela oferece o produto e não o produto em si que representa o grande diferencial competitivo da empresa. 

FAQ

O que é vantagem competitiva ou diferencial competitivo?

O diferencial competitivo são as características que fazem os seus clientes comprarem de você, mesmo quando a concorrência oferece um produto com um menor preço. Isso faz com que a sua empresa seja única aos olhos dos seus clientes.

Como ser um diferencial competitivo?

Confira, a seguir, algumas dicas especiais que devem ser implementadas na sua empresa para alcançar o tão sonhado diferencial competitivo:

  • Analise a concorrência;
  • Conheça o seu cliente;
  • Tenha uma equipe qualificada;
  • Tenha um bom controle de custos;
  • Facilidade de compra;
  • Ofereça promoções;
  • Aposte em softwares de qualidade;
  • Invista em um bom atendimento;
  • Utilize dados para previsão de demanda;
  • Foque no relacionamento com o cliente;
  • Invista em inovação.

Gostou? O que achou? Deixe seu comentário!

plugins premium WordPress